Quinta, 24 Outubro 2019 15:43

José dos Santos Carvalho Filho é homenageado com a Medalha Levi Carneiro

Da esq. para a dir., Carlos Eduardo Machado, Antonio Laért Vieira Junior, Rita Cortez, José dos Santos Carvalho Filho, Manoel Messias Peixinho e Marco Aurélio Bezerra de Mello Da esq. para a dir., Carlos Eduardo Machado, Antonio Laért Vieira Junior, Rita Cortez, José dos Santos Carvalho Filho, Manoel Messias Peixinho e Marco Aurélio Bezerra de Mello
Comenda destinada àqueles com mais de 30 anos de filiação e destacada participação na vida associativa, a Medalha Levi Carneiro foi entregue pela presidente nacional do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Rita Cortez, na sessão ordinária desta quarta-feira (23/10), ao advogado, procurador de Justiça aposentado do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e professor José dos Santos Carvalho Filho. Mestre em Direito pela UFRJ e autor de várias obras jurídicas, entre as quais Manual de Direito Administrativo, que está em sua 33ª edição, o homenageado ingressou no IAB em novembro de 1984. “É um dos maiores administrativistas do País”, afirmou Rita Cortez.
José dos Santos Carvalho Filho foi saudado pelo presidente da Comissão de Direito Administrativo, Manoel Messias Peixinho, e pelo membro honorário do IAB e desembargador Marco Aurélio Bezerra de Mello, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ). “O professor Carvalho, que passou a ser reconhecido a partir da publicação do manual, sempre procurou o caminho da reflexão, sem, em nenhum momento, abrir mão da paixão, às vezes fazendo do Direito Administrativo um poema”, disse Peixinho.

Marco Aurélio Bezerra de Mello contou que, numa visita à Biblioteca do Superior Tribunal de Justiça (STJ), soube que o Manual de Direito Administrativo é o livro mais consultado. “O professor, autor de diversas obras e mais de cem artigos jurídicos publicados em revistas nacionais e internacionais, é uma referência no âmbito do Direito Administrativo”, afirmou o desembargador. O magistrado disse ainda: “Poucos dominam a arte do magistério como o nosso homenageado”.

Em seu breve e emocionado discurso, José dos Santos Carvalho Filho agradeceu “a homenagem honrosa e as palavras comoventes” e disse: “A minha trajetória sempre foi baseada no magistério jurídico, vivendo entre livros e papéis”. À sua esposa, Shirley, presente na sessão, o professor pediu “desculpas pelas horas de convívio roubadas pelo estudo”.