Terça, 21 Maio 2019 11:26

Sepúlveda Pertence será homenageado pelo IAB com a Medalha Teixeira de Freitas

Da esq. para a dir., Sydney Sanches, Sepúlveda Pertence e Rita Cortez  Da esq. para a dir., Sydney Sanches, Sepúlveda Pertence e Rita Cortez 
A presidente nacional do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Rita Cortez, e o 2º vice-presidente, Sydney Sanches, foram nesta segunda-feira (20/5) ao escritório do advogado Sepúlveda Pertence, em Brasília, para comunicar ao ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) a decisão do Conselho Superior do IAB de homenageá-lo com a Medalha Teixeira de Freitas, a mais alta comenda da Casa de Montezuma. A condecoração, que distingue aqueles que deram contribuição inestimável ao Direito e à Justiça, será entregue no plenário histórico, em agosto, durante a solenidade de comemoração dos 176 anos do IAB.
Nascido em Sabará (MG), em 1937, Sepúlveda Pertence tornou-se bacharel em 1960 pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais e, no ano seguinte, ocupou o cargo de assistente jurídico da prefeitura do Distrito Federal. De 1965 a 1967, foi secretário jurídico no gabinete do ministro do STF Evandro Lins e Silva.  Dedicou-se integralmente à advocacia, em Brasília, Minas Gerais, São Paulo e no Rio de Janeiro, de 1969 a 1985, e foi vice-presidente do Conselho Federal da OAB, de 1977 a 1981.

Foi nomeado, em 1985, procurador-geral da República, cargo no qual permaneceu até junho de 1989, quando se tornou ministro do STF. Presidiu o Supremo de 1995 a 1997, aposentando-se em agosto de 2007, tendo sido designado naquele ano pelo presidente da República para exercer a função de membro da Comissão de Ética Pública, com mandato de três anos.